Botucatu, sábado, 19 de Outubro de 2019

Segurança
14/09/2019

Cidadão de 47 anos é preso no Distrito de Vitoriana por crime de violência doméstica



Como sempre acontece nesses casos a mulher agredida foi orientada a solicitar uma medida protetiva para que o agressor mantenha dela e se seus familiares uma distância mínima de 200 metros

 

Um caso de crime de violência doméstica que foi atendida pela Guarda Civil Municipal, acionada através do telefone199, levou um cidadão de 47 anos à cadeia transitória de Itatinga, indiciado em crime de violência doméstica, configurado no artigo 129 do Código Penal Brasileiro.

Os agentes Prado e Edinéia ao chegarem pelo local, em contato com a vítima, foram informados que houve uma discussão entre o casal e o acusado veio agredi-la com socos e pontapés, causando ferimentos em seu rosto sendo necessário sua condução ao Pronto Socorro Regional, na Vila Assunção, onde foi medicada e liberada.

O agressor foi conduzido até o plantão policial permanente para ser representado pela vítima. Com isso, a delegada Ana Carolina de Brito Ferreira tomou ciência dos fatos ratificando a voz de prisão ao acusado, ficando à disposição da justiça.

Como sempre acontece nesses casos a mulher agredida foi orientada a solicitar uma medida protetiva para que o agressor mantenha dela e de seus familiares uma distância mínima de 200 metros. Ele foi enquadrado na Lei Maria da Penha, que visa proteger a mulher contra esse crime. 

Vale destacar que nas ocorrências policiais cotidianas em Botucatu a violência doméstica fica entre os crimes mais praticados. É um padrão de comportamento que envolve violência ou outro tipo de abuso por parte de uma pessoa contra outra num contexto doméstico, como no caso de um casamento ou união de fato, ou contra crianças ou idosos.

 










© Alpha Notícias. Todos os direitos reservados.