Botucatu, sábado, 19 de Outubro de 2019

Segurança
01/10/2019

Cuidadoras de Casa Transitória de Botucatu são lesionadas por menina de 14 anos



Sindicada se rebelou contra as cuidadoras em razão de ser proibida de usar a internet, mordendo o braço de uma e puxando os cabelos da outra com tanta força que ficou com um uma mecha nas mãos

 

Duas cuidadoras de uma Casa Transitória de Botucatu, com 27 e 32 anos de idade, respectivamente, foram lesionadas por uma menina de 14 anos que estava no local por determinação do Juizado Vara da Infância e Juventude, em razão de causar problemas na escola onde estuda. A instituição acolhe crianças de todas as idades (de recém-nascidos a 17 anos e 11 meses) que são encaminhadas pelo Conselho Tutelar ou pela Vara da Infância.

Essa menina se rebelou contra as cuidadoras em razão de ser proibida de usar a internet. Ela mordeu o braço de uma das profissionais e puxou os cabelos da outra com tanta força que ficou com um uma mecha nas mãos. As duas vítimas da adolescente passaram por uma avaliação médica no Pronto Socorro Municipal.  

Os agentes municipais Rezende e Laureano estiveram no local e fizeram o encaminhamento da menina ao plantão permanente onde o boletim de ocorrência foi elaborado pelo delegado Mauro Sérgio Rodrigues dos Santos. A mecha de cabelo foi usada como prova. Após ser sindicada em crime de lesão corporal dolosa a menina acabou recolhida ao Núcleo de Assistência Inicial (NAI), no Distrito de Rubião Júnior.










© Alpha Notícias. Todos os direitos reservados.