Botucatu, domingo, 20 de Outubro de 2019

Turismo / Meio Ambiente
26/03/2018

Projeto vislumbra implantação de trem turístico de Botucatu a Rubião Júnior



Para que o projeto seja executado, Botucatu precisa ter a concessão de uso da Estação e depois viabilizar a obra de restauração, para só então implantar o trem de passeio entre as duas estações.

 

Embarcar em um trem no Centro de Botucatu e desembarcar em Rubião Júnior é um projeto que está próximo de sair do papel e se tornar realidade. A Secretaria Adjunta de Turismo deu um passo em busca da implantação de um trem de turismo em Botucatu. Um estudo de viabilidade mostra que o trecho entre a região central e o Distrito de Rubião Junior é possível e muito interessante no segmento de turismo histórico cultural.

Para que o projeto seja executado, Botucatu precisa ter a concessão de uso da Estação e depois viabilizar a obra de restauração, para só então implantar o trem de passeio entre as duas estações.

O secretário adjunto, Augusto Técchio, se reuniu com o arquiteto Guilherme Michelin para tratar do restauro da Estação Ferroviária de Rubião Junior. O arquiteto foi um dos responsáveis pelo sucesso no processo da concessão de uso da Estação Ferroviária “Engenheiro Nelson Dib Saad” à Prefeitura de Botucatu e também esteve envolvido no projeto de restauro do prédio.

“Os primeiros passos já foram dados, afinal ter uma estação deste porte, restaurada com a dignidade que tal patrimônio merece, já mostra às esferas federais e estaduais um amplo grau de credibilidade no que diz respeito à preocupação com a história da ferrovia pelos governantes de Botucatu. Acredito que será possível que a União conceda a Prefeitura o uso da Estação de Rubião Junior, pois só assim será possível projetar seu restauro e em seguida partidas e chegadas entre as duas ligações com o trem turístico”, explica o arquiteto Guilherme Michelin.

Assim que forem vencidas as questões burocráticas da concessão de uso da Estação de Rubião Junior, a Prefeitura buscará recursos estaduais, federais ou parceria com instituições privadas para viabilizar o restauro do local.

“Estamos muito confiantes que em breve teremos em Botucatu o tão sonhado trem turístico. Esta atividade vai transformar definitivamente o fluxo de visitantes, trazendo mais renda, empregos e grandes melhorias a todo comércio envolvido de forma direta e indireta com o turismo”, afirmou Augusto Tecchio.










© Alpha Notícias. Todos os direitos reservados.