Botucatu, terça-feira, 15 de Outubro de 2019

Turismo / Meio Ambiente
29/08/2019

Moradores apontam descarte de resíduos em área de preservação ambiental



Existe uma lei municipal específica que prevê punição aos infratores que desrespeitam o Meio Ambiente usando áreas para o descarte irregular de todo tipo de material

 

Moradores da região do Jardim Itamarati denunciaram o descarte de vários materiais inservíveis, como ferro, madeira, plástico, lata, material de construção, entre outros, em uma área de preservação ambiental no cruzamento das ruas Josias Pires do Amaral com a Silvestre Bártoli.

O Grupo de Proteção Ambiental (GPA), da Guarda Municipal, foi acionado para atender a mais este caso de descarte irregular de resíduos, crime que está se tornando fator comum no Município, mesmo existindo uma lei municipal específica que prevê punição aos infratores.

Muitas pessoas desrespeitam o Meio Ambiente usando áreas para o descarte irregular de todo tipo de material como: sofás, colchões, travesseiros, garrafas, restos de materiais de construção, pneus, móveis e eletrodomésticos inservíveis, papelão, latas e até roupas.

O GPA já atendeu flagrantes de descarte irregular nessas últimas semanas na região do Jardim Brasil, Jardim Centenário, Cascata da Marta, Residencial Convívio, Anhumas, Toledo, Pátio 8,  Araquá,  Estrada Geraldo Biral, entre outros.










© Alpha Notícias. Todos os direitos reservados.