Destaque

Goiânia: Mulher se arrisca para limpar janela do lado de fora de prédio

Um vídeo gravado nesta quinta-feira (18) mostra uma mulher se pendurando do lado de fora de um edifício de alto padrão em Goiânia. O caso aconteceu na cobertura do condomínio Monte Logan, no Setor Bueno, e foi enviado pela telespectadora da TV Anhanguera Fernanda Abdalla.

Pelas imagens, é possível perceber que a mulher colocou o corpo do lado de fora da sacada para limpar vidraças. Ela se segurou na borda da janela e deixou apenas a perna esquerda do lado de dentro.

g1 entrou em contato com a administração do Edifício Monte Logan, que afirmou que irá notificar os responsáveis pelo apartamento sobre o ocorrido. Até a última atualização desta reportagem, o g1 não conseguiu contato com os proprietários da cobertura.

Fonte: G1

 

‘Cena cruel e vexatória’, diz juíza sobre caso de idoso morto em agência no Rio

A juíza Rachel Assad da Cunha afirmou, na decisão que converteu em prisão preventiva a prisão em flagrante de Erika Vieira Nunes, 43, que “em momento algum a custodiada se preocupa com o estado de saúde de quem afirmava ser cuidadora”, referindo-se às cenas em que aparece com Paulo Roberto Braga, 68, no interior de uma agência bancária no Rio de Janeiro.

Erika foi presa na terça (16) por suspeita de vilipêndio a cadáver e furto mediante fraude após levar Paulo ao banco para tentar sacar um empréstimo de R$ 17 mil.

Como Paulo estava sem reação, funcionários do banco desconfiaram da situação e chamaram o Samu, que confirmou que o homem estava morto. “Os funcionários do banco que, notando aquela cena vexatória e cruel, acionaram o socorro. O ânimo da indiciada se voltava exclusivamente a sacar o dinheiro, chegando ao ponto de fazer o sr. Paulo segurar uma caneta para demonstrar que estaria assinando o documento”, disse a juíza, na decisão.

Imagem: Reprodução/Redes Sociais

Sessão plenária de 22 de abril vota salário de vereadores e tribuna livre

Na segunda-feira (22/04), a Câmara de Botucatu realiza sua sessão ordinária semanal a partir das 19h, aberta ao público e com transmissão ao vivo. Nesta semana, há nove projetos em pauta.

De autoria da Prefeitura, constam dois projetos que tratam da regulamentação da Zona Especial de Desenvolvimento Ecológico Econômico – ZEDEE – de Urbanização Específica e dispõem sobre o Conselho da Cidade de Botucatu – ConCidade – Botucatu e a Conferência Municipal da Cidade.

Por sua vez, de iniciativa da Mesa da Câmara, há um projeto que revoga a lei que fixou os subsídios dos vereadores e do presidente da Câmara para a Legislatura de 2025/2028. O mesmo assunto, com os mesmos valores, retorna à pauta por meio de um projeto de resolução – ou seja, uma mudança burocrática. Ainda há um projeto que concede o Diploma “Doadora de Leite Humano”.

Por fim, de autoria de vereadores da Casa, estão na pauta matérias que abordam a instituição do Cadastro Municipal de Protetores e Cuidadores Individuais de Animais em Situação de Abandono ou Risco, a inclusão do Villa Blues Vintage Car Show no Calendário Oficial do Município e a concessão de títulos de Cidadão Botucatuense.

Logo após o pequeno expediente, haverá ainda uma Tribuna Livre. O espaço será ocupado por representante do Conselho de Unidade de Saúde (CONUS) da Vila São Lúcio, que vai falar sobre plantas medicinais.

Confira a ORDEM DO DIA na íntegra:

1) Projeto de Lei nº 152/2023, de iniciativa do Prefeito, que dispõe sobre a regulamentação da Zona Especial de Desenvolvimento Ecológico Econômico – ZEDEE – de Urbanização Específica.
Discussão e votação únicas com quórum de maioria simples
Com Mensagem do Executivo

2) Projeto de Lei nº 30/2024, de iniciativa do Prefeito, que dispõe sobre o Conselho da Cidade de Botucatu – ConCidade -Botucatu e a Conferência Municipal da Cidade de Botucatu e dá outras providências
Discussão e votação únicas com quórum de maioria absoluta
Adiado a pedido da Vereadora Rose Ielo

3) Projeto de Lei nº 5/2024, de iniciativa do Vereador Palhinha, que institui o cadastro Municipal de Protetores e Cuidadores Individuais de Animais em Situação de Abandono ou Risco no município de Botucatu.
Discussão e votação únicas com quórum de maioria simples
Pedido de Vista solicitado pelo Vereador Abelardo

4) Projeto de Lei nº 51/2024, de iniciativa do Vereador Palhinha, que altera o artigo 1º da Lei nº 6.530, que inclui no Calendário Oficial do município o “Villa Blues Vintage Car Show”.
Discussão e votação únicas com quórum de maioria simples

5) Projeto de Lei nº 55/2024, de iniciativa da Mesa da Câmara, que revoga a Lei n º 6.511, de 12 de setembro de 2023 que fixou os subsídios dos Vereadores e do Presidente da Câmara de Botucatu para a 19ª Legislatura (2025/2028).
Discussão e votação únicas com quórum de maioria absoluta

6) Projeto de Resolução nº 01/2024, de iniciativa da Mesa da Câmara, que fixa os subsídios dos Vereadores e do Presidente da Câmara Municipal de Botucatu para a 19ª Legislatura – 2025/2028.
Discussão e votação únicas com quórum de maioria absoluta

7) Projeto de Decreto Legislativo nº 07/2024, de iniciativa do Vereador Sargento Laudo, que concede o Título de Cidadão Botucatuense ao Senhor Francisco Marcelino Porfirio.
Discussão e votação únicas com quórum 2/3

8) Projeto de Decreto Legislativo nº 08/2024, de iniciativa da Mesa da Câmara, que concede o Diploma “Doadora de Leite Humano”.
Discussão e votação únicas com quórum 2/3

9) Projeto de Decreto Legislativo nº 10/2024, de iniciativa do Vereador Abelardo, que concede o Título de Cidadão Botucatuense ao senhor Rabib Neder.
Discussão e votação únicas com quórum 2/3

TRIBUNA LIVRE
Assunto: Plantas Medicinais, a ser explanado por representante do Conselho de Unidade de Saúde (CONUS), da Vila São Lúcio.

Botucatu conta com 80 vagas para cursos gratuitos no Vestibulinho das Etecs

Estão abertas as inscrições para o Vestibulinho das Escolas Técnicas Estaduais (Etecs) para o segundo semestre até às 15 horas do dia 9 de maio, exclusivamente pela internet. O valor da taxa de participação no processo seletivo é de R$ 40. A prova será aplicada no dia 9 de junho, às 13h30.

As unidades da região de Sorocaba ofertam um total de 2.550 vagas, para cursos técnicos e especializações técnicas, distribuídas entre as cidades de Alumínio (40), Angatuba (35), Araçariguama (40), Araçoiaba da Serra (40), Avaré (70), Botucatu (80), Capão Bonito (35), Capela do Alto (40), Cerqueira César (35), Cerquilho (120), Cesário Lange (40), Fartura (35), Ibiúna (35), Itapetininga (185), Itatinga (40), Itu (70), Laranjal Paulista (30), Mairinque (105), Piedade (80), Pilar do Sul (40), Porto Feliz (35), Pratânia (40), São Manuel (40), São Roque (65), Sorocaba (815), Tatuí (200), Tietê (120) e Votorantim (40).

As vagas ofertadas são destinadas às Escolas Técnicas e às classes descentralizadas (unidades que funcionam com um ou mais cursos técnicos, sob a administração de uma Etec), por meio de parcerias com prefeituras do interior e da Capital (aulas nos CEUs), além da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo (aulas em escolas estaduais).

As formações do Centro Paula Souza (CPS), autarquia que administra as Etecs, são gratuitas. Não há cobrança de mensalidades. O candidato pode optar pelo estudo na modalidade presencial, semipresencial ou online, de acordo com as opções disponíveis. A relação completa de unidades, cursos e vagas pode ser consultada no site do Vestibulinho das Etecs.

Na modalidade online não há uma delimitação de vagas para cada polo da Educação a Distância (EaD). Os candidatos são classificados de acordo com a totalidade da oferta. São Manuel e Sorocaba são cidades polos EaD na região.

Confira a distribuição de vagas dos cursos online para o Vestibulinho das Etecs do segundo semestre de 2024:

  • 320 vagas para o curso técnico em Administração;
  • 340 vagas para o curso técnico em Comércio;
  • 980 vagas para o curso técnico em Desenvolvimento de Sistemas;
  • 660 vagas para o curso técnico em Guia de Turismo;
  • 300 vagas para o curso técnico em Secretariado;
  • 920 vagas para o curso técnico em Transações Imobiliárias;
  • 920 vagas a Especialização Técnica em Gestão de Projetos.

Inscrições

Para se inscrever no processo seletivo das Etecs é preciso acessar o site vestibulinhoetec.com.br, preencher a ficha de inscrição disponível no menu “Área do candidato” e responder o questionário socioeconômico.

Também é necessário pagar a taxa de R$ 40. O recolhimento do valor pode ser feito até o último dia de inscrição, em qualquer agência bancária, na internet, por meio de aplicativo bancário ou, ainda, utilizando a ferramenta getnet, disponível no site oficial do Vestibulinho, com cartão de crédito. A inscrição no Vestibulinho das Etecs somente será efetivada após o pagamento da taxa.

As informações fornecidas no ato da inscrição são de responsabilidade do candidato ou de seu representante legal, quando menor de 16 anos. Na Portaria do processo seletivo e no Manual do Candidato estão disponíveis o detalhamento da documentação necessária e as orientações para inscrição.

Caso o candidato necessite, as Etecs disponibilizam computadores e acesso à internet para que a inscrição seja realizada. Para isso, é preciso entrar em contato com a unidade para obter informações sobre datas e horários disponíveis.

Outras informações pelos telefones (11) 3471-4071 (Capital e Grande São Paulo) e 0800-772 2829 (demais localidades) ou pela internet

Sobre o Centro Paula Souza – Autarquia do Governo do Estado de São Paulo vinculada à Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação, o Centro Paula Souza (CPS) administra as Faculdades de Tecnologia (Fatecs) e as Escolas Técnicas (Etecs) estaduais, além das classes descentralizadas – unidades que funcionam com um ou mais cursos, sob supervisão de uma Etec –, em mais de 340 municípios. As Etecs atendem mais de 226 mil alunos nos Ensinos Técnico, Integrado e Médio. Nas Fatecs, o número de matriculados nos cursos de graduação tecnológica supera 91 mil estudantes. Além dos cursos técnicos e superiores de tecnologia, a instituição oferece Formação Continuada e Pós-graduação (stricto sensu e lato sensu).

Assessoria de Comunicação do Centro Paula Souza
Tel: (11) 3324-3385 / 3324-3362 / 3324-3363

Plantão: (11) 96573-8412
imprensa@cps.sp.gov.br – www.cps.sp.gov.br

WhatsApp: Para receber os releases via WhatsApp, envie uma mensagem com nome completo e veículo de comunicação para (11) 96573-8412

Foto: Reprodução

Bauru: Tribunal de Justiça derruba leitura de trecho da Bíblia antes de sessões

O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) derrubou nesta quarta-feira (17) a previsão do regimento interno da Câmara de Bauru que estipula a leitura de um versículo da Bíblia antes das sessões legislativas.

A decisão veio no âmbito de uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin) ajuizada pela Procuradoria-Geral de Justiça, órgão máximo do Ministério Público de São Paulo (MP-SP), que contesta o dispositivo da Câmara sob o argumento de que fere o princípio do Estado laico.

Além da leitura da Bíblia no momento de abertura das sessões, a decisão derruba ainda a frase “sob a proteção de Deus, os vereadores da Câmara de Bauru iniciam seus trabalhos” e também a determinação do regimento para que a Bíblia permaneça sobre a Mesa Diretora da Casa.

O julgamento do caso aconteceu ontem, razão pela qual o acórdão dos desembargadores ainda não saiu. A votação, porém, foi unânime entre os magistrados do Órgão Especial do TJ, responsável pela análise de ações nesse sentido. Farão declaração de voto, além do relator, os desembargadores Ricardo Dip e Luciana Bresciani.

A Câmara tentou defender os dispositivos sob o argumento de que “todas as Constituições brasileiras, exceto as de 1891 e 1937, invocaram a proteção de Deus quando foram promulgadas”.

Além disso, a Casa ressaltou também que “não se trata de adoção de ideologia ou corrente religiosa em detrimento de outra, mas sim de uma manifestação histórico-cultural de uma fé em Deus genérica e abstratamente considerada”.

O Legislativo chegou a criticar o Ministério Público pela interposição de Adin. “A afirmação do MP nos levará a apagar tudo o que simbolicamente remeta ao cristianismo ou a qualquer outra religião no Brasil?”, indagou.

A Casa sugeriu também que o TJ não poderia “se aventurar” no argumento da Procuradoria e apontou, entre outras coisas, que essa linha de raciocínio do MP valeria também para derrubar os decretos que declararam a cidade de Aparecida-SP, também conhecida como “Aparecida do Norte” por seu cunho religioso, como estância turística.

Mas os argumentos não vingaram. A Procuradoria já havia rechaçado as alegações da Câmara de Bauru e disse, por exemplo, que o Legislativo não pode se considerar uma exceção para descumprir preceitos constitucionais.

“Aspecto relevante da laicidade importa na absoluta neutralidade do Estado, no sentido de não se adotarem posturas em benefício ou em detrimento das diversas igrejas ou religiões estabelecidas no território nacional”, destacou o MP.

“Não compete ao Poder Legislativo municipal criar preferência por determinada religião – como o faz pela invocação a ‘Deus’, disponibilização da Bíblia e a exigência da leitura de trecho da Bíblia para iniciar a sessão legislativa na Câmara Municipal – voltado exclusivamente aos seguidores dos princípios dos credos monoteístas, alijando outras crenças presentes no tecido social brasileiro que não ostentem essa característica”, completou.

Fonte: JCNET

Bauru: Dengue mata jovem de 21 anos sem comorbidade

A Prefeitura de Bauru (SP) confirmou, nesta quinta-feira (18), mais duas mortes por dengue no município neste ano, sendo uma das vítimas uma jovem de 21 anos sem comorbidade.

Os dois novos óbitos constam no Boletim Epidemiológico de Bauru, bem como 329 novos casos de dengue, registrados no período de 1º abril e a última quarta-feira (17). Os registros também constam no Painel de Monitoramento de Dengue do Estado de São Paulo.

Além da jovem de 21 anos, que morreu no dia 19 de março, uma idosa de 95 anos com comorbidades também teve o óbito confirmado pela doença. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, ela morreu no dia 20 de março.

Até a última atualização da Saúde, no ano de 2024, Bauru registrava 2.422 casos autóctones de dengue, seis importados e quatro óbitos pela doença. Outros quatro óbitos seguem em investigação.

Com a atualização, o centro-oeste paulista acumula 43 mortes em decorrência da dengue desde o início do ano. Ao todo, 13 cidades da região registraram mortes pela doença, segundo o Governo de SP.

O ranking é liderado por Marília (9), seguido de Pederneiras (7), Bariri (6), Botucatu (4), Bauru (4), Boracéia (3), Lençóis Paulista (3), Jaú (2), Pongaí (1), Cândido Mota (1), Bastos (1), Herculândia (1) e Tarumã (1).

Até este quinta-feira, a região do centro-oeste do estado de SP já registrou mais de 40 mil casos de dengue.

Fonte: G1

Paris: Homem se rende após ameaçar explodir consulado do Irã

Toda a região próxima ao consulado do Irã em Paris, na França, foi interditada pela polícia nesta sexta-feira (19), após denúncias que um homem estaria com explosivos no prédio. As autoridades interditaram a região e após negociações o suspeito se rendeu.

Os agentes realizam a varredura dos explosivos apreendidos no local. A linha 6 do metrô foi fechada na área entre as estações La Motte-Picquet – Grenelle e Charles-de-Gaulle – Etoile.

O consulado fica localizado no 16ª zona, onde a maioria das missões diplomáticas no país estão sediadas.

Matéria em atualização

Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest) comemora 20 anos

O Cerest – Regional Botucatu completa 20 anos nesta sexta (19 de abril), justamente no mês de conscientização aos acidentes e doenças do trabalho, conhecido como Abril Verde.

Somente em 2023, o Centro de Referência em Saúde do Trabalhador realizou:

– 1.820 atendimentos – média de 151/mês
– 450 atividades de Educação em Saúde do Trabalhador [+2,4 mil capacitadas] – 843 procedimentos de Vigilância da Situação de Saúde dos Trabalhadores
– 105 procedimentos de Inspeção Sanitária em Saúde do Trabalhador

Além de melhorar as condições nos ambientes de trabalho, o Cerest, em articulação com toda a rede, também oferece assistência, por meio de equipe multidisciplinar, a todos os trabalhadores urbanos e rurais, do setor público e privado, com carteira assinada ou não.

Independente do tipo de vínculo empregatício, que tenham sofrido acidentes de trabalho ou apresentam alguma doença relacionada ao trabalho.

Também em 2023 o Cerest Botucatu atingiu a qualificação máxima no “Qualifica Cerest”, avaliação nacional realizada pelo Ministério da Saúde. Demonstrando, assim, todo empenho da equipe e excelência dos processos e ações realizadas pela regional.

“No decorrer dos seus 20 anos, enfrentamos vários desafios. Porém as conquistas se somam ainda mais quando pensamos em toda equipe de trabalho que fez ou que ainda faz parte deste serviço. Todos que por aqui passaram deixaram sua história e levaram um pouco da saúde do trabalhador para onde foram”, destaca Daniela Tonelli, enfermeira responsável pelo serviço.

“O Cerest tem colaborado com o aumento das notificações de acidentes de trabalho e ajudado a garantir direitos dos trabalhadores durante todos estes anos. Continuaremos realizando diversas atividades educativas, para melhoria dos dados epidemiológicos. Instruindo, orientando e fomentando a necessidade dos serviços de saúde notificarem os acidentes e as doenças relacionadas ao trabalho”, completa Humberto Petry, fisioterapeuta do Cerest.

Sobre o Cerest Botucatu
O Cerest é um serviço SUS, que integra a Rede Nacional de Atenção Integral à Saúde do Trabalhador (RENAST), sob gestão da Prefeitura Municipal de Botucatu, por meio da OSS de Pirangi.

Desenvolve ações de promoção, assistência e vigilância à saúde dos trabalhadores de Botucatu e mais 12 municípios: Anhembi, Areiópolis, Bofete, Conchas, Itatinga, Laranjal Paulista, Pardinho, Pereiras, Porangaba, Pratânia, São Manuel e Torre de Pedra.

O Cerest não é um serviço de emergência. Mas, sim, um serviço de saúde secundário. Ou seja, o paciente é atendido após ser encaminhado pela unidade de saúde.

A equipe é formada por médicos (2); enfermeira, técnicos de enfermagem (2), fisioterapeuta, psicóloga, assistente social, técnica de segurança do trabalho, engenheiro, auxiliares administrativos (2), e auxiliar de serviços gerais.

𝗠𝗮𝗶𝘀 𝗶𝗻𝗳𝗼𝗿𝗺𝗮𝗰̧𝗼̃𝗲𝘀
Horário de funcionamento
Segunda à Sexta – 7h30 às 17 horas
End.: R. João Passos, 2085 – Centro
Tel.: (14) 3811.1415 / 9.9721-5043
E-mail: cerest@botucatu.sp.gov.br