Equipes da Prefeitura intensificam ações de combate a dengue

A Prefeitura de Botucatu está atuando fortemente para combater a dengue e reduzir a doença no Município. A transmissão está elevada devido à presença de larvas e criadouros encontrados nas residências, o que contribui para que o mosquito continue se proliferando e a dengue sendo transmitida.

Em 2024, Botucatu já registrou 200 casos da dengue e para evitar uma epidemia, equipes da Vigilância Ambiental em Saúde e Zeladoria estão trabalhando diariamente nas vistorias, buscas ativas de criadouros e nebulização.

Durante os trabalhos, as equipes encontram larvas de mosquitos em recipientes descartados irregularmente, como pneus, vasilhas, e também em objetos de uso comum dos moradores, como os vasos de plantas. Por isso a ação constante para eliminar os criadouros é essencial neste momento e cada a cada munícipe fazer a limpeza de seu quintal, principalmente após dias de chuvas.

E mesmo como todas as ações sendo intensificadas, as equipes tem se deparado com um problema antigo: a recusa das vistorias nas casas. Pouco mais da metade dos moradores não deixam os agentes da Vigilância Ambiental em Saúde realizarem seu trabalho, visitando o interior do quintal em busca de criadouros, o que prejudica a ação de combate realizada pela Prefeitura, uma vez que esses profissionais são capacitados para encontrar criadouros onde os moradores nem sempre estão atentos.

Lembre-se que o combate a dengue depende de cada um de nós e colaborar com as ações da Prefeitura é essencial para mantermos nossa Cidade longe do mosquito.

Onde o mosquito não se cria, a dengue não se espalha!

Sobre FERNANDO BRUDER TEODORO

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.