Últimas Notícias

Justiça nega pedido de sindicatos e mantém volta às aulas em São Paulo

A Justiça de São Paulo negou, nesta segunda-feira, 11, a ação proposta por sindicatos que pedia a suspensão do retorno das atividades presenciais nas escolas de educação básica das redes privada e pública do estado. Na decisão, o juiz José Gomes Neto afirmou que “não há na documentação sequer um parecer de um epidemiologista, infectologista ou profissional adequadamente qualificado opondo-se ao plano de volta às aulas“. No mês passado, o governo paulista classificou as instituições de ensino básico como serviços essenciais para que elas pudessem continuar abertas mesmo em regiões que estivessem em fases mais restritivas do Plano São Paulo. As escolas estaduais devem iniciar o ano letivo no dia 1º de fevereiro.

Sobre FERNANDO BRUDER TEODORO

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
x

Veja Também

Prefeitura divulga medidas adotadas para Fase Vermelha

Botucatu, junto com as demais cidades que compõem a Diretoria Regional de Saúde de Bauru, está na Fase Vermelha do ...