Moradores de rua encontram abrigo no morro de Rubião Júnior em Botucatu

A reportagem do Alpha Notícias, recebeu uma demanda em dezembro de 2023, sobre um morador em situação de rua dormindo no morro de Rubião Júnior, especificamente debaixo das torres de TV. Na ocasião, foi feita uma matéria e encaminhada às secretarias responsáveis pelas pastas.

E com o compromisso de dar retorno à população, a Alpha sempre volta para certificar se a demanda foi resolvida. E nessa nessa quarta-feira (15), a equipe esteve no local e constatou que não foi resolvido o problema.

O Morro de Rubião Júnior é um ponto religioso e turístico do município, recebendo dezenas de pessoas ao dia. A equipe conversou com a senhora Elisabete, uma turista vindo da cidade de Bauru.

A matéria feita novamente no local foi enviada nessa quinta-feira (16), aos secretários que cuidam dessa demanda. A senhora Elisabete vem todo mês à Botucatu para acompanhamento médico no Hospital das Clínicas e Faculdade de Medicina de Botucatu (HCFMB),e sempre visita a igreja de Santo Antônio.

Alpha Notícias:Qual a sensação de segurança que a senhora tem, ao se deparar com uma situação como essa”?

Elisabete: “É complicado! Realmente, me sinto insegura, porque a gente não sabe da intenção da pessoa, se é ou não perigosa. Aqui é um local muito bonito e  gostoso, e a gente acaba deparando com essa situação, e talvez com risco de ser assaltada, ou até coisa pior, né?

É preciso ter um lugar para acolher essas pessoas, que possa estar dando assistência. Aqui é um lugar aberto sem proteção nenhuma, com possibilidade de tomar chuva, passar frio, e talvez até sem alimento. E não é preconceito ou discriminação, mas pode até ser um usuário de drogas, que para sustentar o vício pode até mesmo assaltar. Por isso acho de extrema importância da polícia e do Serviço Social estar visitando esses moradores e dando um auxílio“. finalizou

Respostas das secretarias;

Rosemary Pinton, Secretária de Assistência Social de Botucatu

“Boa tarde Fernando, agradeço pelas informações. Em relação as medidas, temos a informar que as abordagens sociais tem sido intensificadas para pessoas em situação de rua no município pelas politicas de Assistência Social, Saúde e Segurança Pública. Inclusive, neste local a pouco tempo foi identificado uma pessoa que estava utilizando o local como moradia, na qual o Espaço Acolhedor fez a abordagem e encaminhamento para a família.

O trabalho realizado para a população em situação de rua, tem como objetivo atender de forma especializada e qualificada pessoas que fazem da rua local de moradia e sobrevivência, promovendo construção conjunta com o usuário de seu processo de saída das ruas, o desenvolvimento de sua sociabilidade, autonomia e novos projetos de vida, atendimentos estes tanto pela Assistência Social quanto pela equipe do Consultório na Rua (Saúde).

Iremos ao local novamente para verificar se existem outras pessoas nestas condições”.

Leandro Destro Comandante da Guarda Municipal

Boa tarde. O cidadão que ali se abriga, é assistido pelo Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) de Rubião Júnior, e sempre que interpelado não aceita ir para o espaço acolhedor.

Em tempo de frio intenso conseguimos leva-lo para o Espaço Acolhedor na manhã ele já retorna para Rubião. Já está pelo local há mais de 3 anos.

O patrulhamento é realizado de forma constante e rotineira, sempre que é avistado é oferecido auxílio, porém sempre declina. Situação muito comum com a população em situação de rua, infelizmente.

Fato crescente em todas as cidades do interior e mais ainda na Capital“.

Acompanhe a entrevista completa através do link

Sobre FERNANDO BRUDER TEODORO

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.