Morre, aos 89 anos, o narrador esportivo Silvio Luiz

Morreu nesta quinta-feira, 16, o comentarista Silvio Luiz, aos 89 anos. Ele estava internado no Hospital Oswaldo Cruz, em São Paulo, desde 8 de maio, e foi à óbito em decorrência de falência múltipla de órgãos. A informação foi confirmada pelo hospital.

Silvio Luiz vinha enfrentando uma série de problemas de saúde não especificados. Em 7 de abril, o veterano sofreu um mal súbito durante a narração de Palmeiras x Santos, pela final do Campeonato Paulista, e teve de se ausentar da partida, ficando hospitalizado por 23 dias. Nove dias depois da alta médica, o jornalista voltou a ser hospitalizado pela última vez antes de sua morte.

Dono de um humor ácido, Silvio Luiz foi o criador de bordões como “pelo amor dos meus filhinhos”, “olho no lance”, “confira comigo no replay” e mais. Ele deixa a esposa, a cantora Márcia, com quem era casado desde 1969, e três filhos.

Carreira

Filho de Elizabeth Darcy, uma das primeiras mulheres na locução, Silvio Luiz atuou nas novelas “Éramos Seis” e “Cela da Morte”, na TV Record, nas décadas de 1950 e 1960 — à época, ele também já trabalhava com jornalismo de esportes e tinha até sido ganhador do prêmio Roquete Pinto de melhor repórter esportivo.

Em 1965, formou-se árbitro de futebol e seguiu na profissão até a década de 1970, quando retornou à Record para se tornar diretor de programação e locutor esportivo. Ao longo das décadas, colecionou prêmios de jornalismo fez parte de diversas emissoras de televisão e rádio. Integram a lista TV Paulista, Rádio Bandeirantes, Rádio Record, TV Excelsior, SBT, RedeTV! e Band.

No fim de sua carreira, o veterano trabalhava como comentarista esportivo no programa “Confira Comigo no Replay”, do “R7 Esportes”.

Foto: Reprodução

Sobre FERNANDO BRUDER TEODORO

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.