Últimas Notícias

”Quem herdará o Reino dos céus”

Essa é uma pergunta frequentemente dita nas religiões. Muitas delas falam sobre o amor e algumas, mencionam que ”todo caminho leva à Deus”, mas, este artigo foi feito baseado na Doutrina Cristã, considerando a Bíblia como única fonte de regra, prática e fé.

Respeitando as demais, gostaria de pontuar aqui a visão Cristã para o fortalecimento da sua fé ou para a sua reflexão e busca por algo que virá após a morte.

1 – Nós estamos aqui de passagem, e após nossa morte, haverá o dia do juízo que todos nós enfrentaremos e neste dia, nossas decisões de hoje, dada pelo livre arbítrio, pesarão na decisão final.

”E, assim como aos homens está ordenado morrer uma só vez, vindo, depois disso o Juízo, assim também Cristo foi oferecido em sacrifício uma única vez, para tirar os pecados de muitas pessoas; e aparecerá segunda vez, não mais para eximir o pecado, mas para brindar salvação a todos que o aguardam”. (Hebreus 9:27 e 28)

Nossa vida é única e passa rapidamente, por isso, é preciso refletirmos sobre nossas decisões no dia a dia, e sobre o ”foco” em que colocamos nossas energias e nossas prioridades.

Todo cristão, aguarda a volta do Senhor Jesus Cristo, vindo sobre as nuvens com poder e grande glória, e Ele virá para arrebatar a todas as pessoas que acreditam nele como Senhor e Salvador, único mediador entre Deus e os homens, único caminho, e o aceitarem como Mestre, se tornando seus servos.

”Porque Deus amou ao mundo de tal maneira, que deu seu único filho para que todo aquele que nEle crê, não pereça, mas tenha a vida eterna” (João 3:16).

Então, a salvação é dada gratuitamente, mediante a fé, por isso, não é possível comprar ou vender, mas a única forma de termos uma vida eterna com Deus, é aceitando seu filho neste mundo, afinal, ”se o rejeitamos aqui, porque gostaríamos de estar com Ele lá nos céus?”

2 – É preciso nascer de novo

Aceitar a Jesus Cristo como Senhor e Salvador, é o primeiro passo. E a partir do momento em que fizermos essa escolha em nossas vidas, é preciso entrar para um processo de santificação e mudança de vida.

”Se alguém não nascer de novo, não pode ver o Reino de Deus” (João 3:3).

A mensagem de salvação está disponível para todos, e de forma gratuita! Mas, é preciso abrir seu coração e estar disposto a ”nascer de novo”, ou seja, deixar que o Espírito Santo mude a sua vida dia a dia. Então, além de declarar que Jesus Cristo é o Senhor, é preciso que essa declaração mude nossas mentes e corações diariamente.

Todos nós somos pecadores e precisamos da graça de Deus, reconhecer isso é fundamental para que esse novo nascimento aconteça!

”Pois todos pecaram e carecem da glória de Deus, sendo justificados gratuitamente, por sua graça, mediante a redenção que há em Cristo Jesus” (Romanos 3:23 e 24).

Ou seja, não são nossas obras que levam a salvação, mas nossa entrega de coração verdadeiramente diante de Deus, para que Ele tenha autorização de mudar nossas vidas, deixando nosso ”eu” de lado e aceitando o direcionamento do Espírito Santo que habita em nós.

”Fui crucificado com Cristo. Assim, já não sou eu quem vive, mas Cristo vive em mim. A vida que agora vivo no corpo, vivo-a pela fé no filho de Deus, que me amou e se entregou por mim” (Gálatas 2:20).

Então, se você quer receber a Jesus Cristo como Senhor e Salvador, faça essa oração em voz alta comigo:

”Senhor Deus, eu recebo a Jesus Cristo como o único Senhor e Salvador da minha vida. Eu quero viver contigo no céu, escreve meu nome no livro da vida e transforma minha vida para que eu seja uma nova pessoa! Habita em mim para sempre! Em nome de Jesus Cristo, é que eu peço e agradeço, amém!”.

Agora, o próximo passo, é saber que Deus ouve a oração daqueles que o buscam em verdade e com sinceridade de coração:

”Os sacrifícios que agradam a Deus são um espírito quebrantado; um coração quebrantado e contrito, ó Deus, não desprezarás”. (Salmos 51:17)

Se humilhar diante de Deus é um dos passos mais difíceis para qualquer um de nós, mas antecede a certeza de que você está entregando suas vidas nas mãos do Criador do Universo, e do único que pode fazer por você infinitamente mais do que é possível imaginar e que Ele suprirá em Cristo, todas as suas necessidades.

”E o meu Deus, segundo a sua riqueza em glória, há de suprir, em Cristo Jesus, cada uma de vossas necessidades” (Filipenses 4:19).

Então, Deus dará discernimento à você dos caminhos em que você deverá andar, sabendo que haverão armadilhas e provações durante a caminhada, mas que de tudo isso, precisaremos guardar nossos corações

”Sobre tudo o que se deve guardar, guarda o teu coração, porque dele procedem as fontes da vida” (Provérbios 4:23)

3 – Deixar de ter pensamentos e ações que geram os frutos da carne:

Cada uma das pessoas que nascem de novo, produzirão frutos, e esses serão visíveis para aqueles que retém a sabedoria dos céus.

”Digo, porém: Andai em Espírito, e não cumprireis a concupiscência da carne.Porque a carne cobiça contra o Espírito, e o Espírito contra a carne; e estes opõem-se um ao outro, para que não façais o que quereis. Mas, se sois guiados pelo Espírito, não estais debaixo da lei. Porque as obras da carne são manifestas, as quais são: adultério, fornicação, impureza, lascívia, Idolatria, feitiçaria, inimizades, porfias, emulações, iras, pelejas, dissensões, heresias, Invejas, homicídios, bebedices, glutonarias, e coisas semelhantes a estas, acerca das quais vos declaro, como já antes vos disse, que os que cometem tais coisas não herdarão o reino de Deus” (Gálatas 5:16 a 21)

4 – Buscar dia a dia, ter pensamentos e ações que gerem os frutos do Espírito Santo:

”Mas o fruto do Espírito é: amor, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança. Contra estas coisas não há lei. E os que são de Cristo crucificaram a carne com as suas paixões e concupiscências. Se vivemos em Espírito, andemos também em Espírito” (Gálatas 5:22 a 25).

E saber que todas as pessoas e denominações diferentes que declaram que Jesus Cristo é o único Senhor e Salvador; único que deve ser adorado e exaltado, fazem parte da igreja invisível de Cristo, e somos todos membros do corpo de Cristo.

”Porque, assim como o corpo é um, e tem muitos membros, e todos os membros, sendo muitos, são um só corpo, assim é Cristo também. … Sim, mas seja o corpo, os membros ou a cabeça, tudo é Cristo. Tudo é dEle. Tudo vem por Ele, e tudo é para Ele (Romanos 11:36)

Então, cada Cristão tem um chamado para estar em uma Igreja e comunidade, conforme o que Deus o concedeu, e precisamos entender que cada um tem uma função dentro do corpo de Cristo e que precisamos investir tempo para conhecer cada vez mais e melhor a palavra de Deus, lendo e estudando a Bíblia e pedindo para que o Espírito Santo, revele a sua interpretação para nós. E, embora muitas igrejas declarem ”que são a igreja correta”, é preciso refletir que todos nós somos falhos, porque somos seres humanos, e todo ajuntamento de pessoas, será composto de ”parte da verdade”, e o acúmulo de complementações humanas, composta de crenças, hábitos e costumes que divergem entre si, portanto, a humildade sempre deverá estar enraizadas em nós, e precisamos saber que nosso foco é alimentar o amor aos irmãos da fé de forma geral, sem discriminação, mas sempre com a prevalência do amor em nossos corações, porque se ”nossos lábios refletem a acusação de que tal doutrina segue ou não tal regra; estamos na carne e não no espírito”.

A mudança de vida, é principalmente interna, na mudança do coração. Quanto mais amamos e entendemos o que Jesus Cristo fez por nós, menos julgamos o outro, e mais o amamos e o acolhemos, sabendo que todos nós estamos em constante construção e carecemos da graça de Deus. Então, reflita sobre os ”frutos do Espírito Santo” e saiba que eles são prioridade.

5 – Não julgue os irmãos de outras denominações por terem uma visão diferente da sua, mas procure estudar a Bíblia para saber onde você deve estar, se a doutrina que você segue, é realmente o lugar que Deus quer que você esteja, e onde estiver, mantenha firme sua convicção por fé, pois sem fé é impossível agradar a Deus.

”O que come não despreze o que não come; e o que não come, não julgue o que come; porque Deus o recebeu por seu”. ”Um faz diferença entre dia e dia, mas outro julga iguais todos os dias. Cada um esteja inteiramente seguro em sua própria mente. Aquele que faz caso do dia, para o Senhor o faz e o que não faz caso do dia para o Senhor o não faz. O que come, para o Senhor come, porque dá graças a Deus; e o que não come, para o Senhor não come, e dá graças a Deus. Porque nenhum de nós vive para si, e nenhum morre para si. Porque, se vivemos, para o Senhor vivemos; se morremos, para o Senhor morremos. De sorte que, ou vivamos ou morramos, somos do Senhor. Porque foi para isto que morreu Cristo, e ressurgiu, e tornou a viver, para ser Senhor, tanto dos mortos, como dos vivos. Mas tu, por que julgas teu irmão? Ou tu, também, por que desprezas teu irmão? Pois todos havemos de comparecer ante o tribunal de Cristo. Porque está escrito: Como eu vivo, diz o Senhor, que todo o joelho se dobrará a mim, E toda a língua confessará a Deus. De maneira que cada um de nós dará conta de si mesmo a Deus. Assim que não nos julguemos mais uns aos outros; antes seja o vosso propósito não pôr tropeço ou escândalo ao irmão. Eu sei, e estou certo no Senhor Jesus, que nenhuma coisa é de si mesma imunda, a não ser para aquele que a tem por imunda; para esse é imunda. Mas, se por causa da comida se contrista teu irmão, já não andas conforme o amor. Não destruas por causa da tua comida aquele por quem Cristo morreu. Não seja, pois, blasfemado o vosso bem; Porque o reino de Deus não é comida nem bebida, mas justiça, e paz, e alegria no Espírito Santo. Porque quem nisto serve a Cristo agradável é a Deus e aceito aos homens. Sigamos, pois, as coisas que servem para a paz e para a edificação de uns para com os outros. Tens tu fé? Tem-na em ti mesmo diante de Deus. Bem-aventurado aquele que não se condena a si mesmo naquilo que aprova. Mas aquele que tem dúvidas, se come está condenado, porque não come por fé; e tudo o que não é de fé é pecado. (Romanos 14:2 a 23)

Então, é preciso avaliar se nossa fé é baseada no amor sincero e verdadeiro de Deus, ou se nos apegamos as doutrinas de homens, sabendo que muitas vezes podemos agir como fariseus, alimentando o orgulho existente em nossos corações, prontos a ”julgar ou acusar” os que não tem as mesma visão que nós temos, ao invés de acolhermos as pessoas como a parábola do bom samaritano (Lucas 10:25 a 37), que amou ao próximo como a si mesmo.

6 – Jesus ama você e poderá mover os céus ao seu favor, para te encontrar

Jesus é nosso pastor, e Ele ama a você, tanto que proporcionou esse texto para que você nesse momento, pudesse refletir comigo sobre essas palavras. O amor dele é tão grande, que não quer que nenhuma de suas ovelhas se perca, mas que todas elas sejam alcançadas pela sua graça e amor. Mesmo que no decorrer da nossa vida cristã, acabamos vendo tantos escândalos e sofremos tantas injustiças no meio do caminho, precisamos entender que vivemos em um mundo de provações. Jesus foi o maior exemplo de que não foi bem aceito pelo meio, mas se manteve fiel ao Pai, e cumpriu em si, o maior propósito de morrer por você e por mim naquela cruz. Então, se ele perdoou a todos que quiseram tirar sua vida, dizendo ”Pai, perdoa-lhes, porque eles não sabem o que fazem”, mais ainda nós, pequemos mortais, precisamos perdoar as pessoas que passam por nossas vidas, dando testemunhos falhos. Todos nós somos falhos, e por isso, sempre precisamos olhar para Cristo, somente para Ele, e ter a confiança plena unica e exclusivamente nEle, e em mais ninguém.

“Qual de vocês que, possuindo cem ovelhas, e perdendo uma, não deixa as noventa e nove no campo e vai atrás da ovelha perdida, até encontrá-la?” (Lucas 15:4)

7 – Confie e espere somente em Deus, e não nos homens

Pessoas vão te magoar, te escandalizar no meio do caminho e te decepcionar. ”Maldito o homem que confia no homem” (Jeremias 17:5). Todos nós vamos falhar, sempre, porque acertamos em algumas coisas e sempre deixaremos a desejar em outras. E cada uma das pessoas que olham para nós, nos julgarão por coisas diferentes. E mesmo que coloquemos todos os nossos esforços em ter uma vida cristã cada vez mais próxima do que Deus quer, sempre deixaremos a desejar, porque é humanamente impossível agradar a todos. Vimos que nem Jesus agradou, mas ele amou e acolheu aos outros, acima de tudo.

”Mas os que esperam no Senhor renovarão as suas forças; subirão com asas como águias; correrão, e não se cansarão; andarão, e não se fatigarão”. (Isaías 40:31)

7 – Nossa esperança final

A maior esperança para a vida de um cristão, é saber que Jesus Cristo voltará para levar a todos os que creram nele e foram fieis até a morte, e receberão a coroa da vida!

”Bem-aventurados aqueles servos, aos quais o senhor, quando vier, achar vigiando! Em verdade vos digo que se cingirá, e os fará reclinar-se à mesa e, chegando-se, os servirá. Quer venha na segunda vigília, quer na terceira, bem-aventurados serão eles, se assim os achar. Sabei, porém, isto: se o dono da casa soubesse a que hora havia de vir o ladrão, vigiaria e não deixaria minar a sua casa. Estai vós também apercebidos; porque, numa hora em que não penseis, virá o Filho do homem”. (Lucas 12:35-40)

Ninguém sabe o dia de a hora que Jesus virá, somente Deus Pai. Agora, é o momento de você buscar a presença do Pai porque ainda há tempo para o encontrar. Ainda há tempo para compreender melhor seus passos e o caminho que você tem seguido.

Existem algumas leis que nós não podemos mudar como seres humanos, mas podemos compreendê-las e aceitá-las ou não. Somente o Espírito Santo é quem pode nos orientar para dar discernimento dia a dia do nosso caminhar.

8 – Discernimento durante os tempos do fim

Mais do que discernir entre o que é bom, é preciso saber discernir o que é mau.

O inimigo das nossas almas, era anjo de luz antes de se rebelar contra Deus, por isso, toda luz que nos cerca, precisa ser avaliada, conforme as escrituras, para sabermos se essa luz, realmente é dada por Deus ou por falsos profetas, ou seja, pessoas que são inspiradas não pelo Espírito Santo, mas por doutrinas de homens e e demônios.

”Mas o Espírito expressamente diz que nos últimos tempos apostatarão alguns da fé, dando ouvidos a espíritos enganadores, e a doutrinas de demônios; Pela hipocrisia de homens que falam mentiras, tendo cauterizada a sua própria consciência” (1 Timóteo 4:1,2)

Estamos vivendo o tempo em que haverão muitas doutrinas que ”torcem” a palavra de Deus, fazendo com que ela se pareça com a verdade, e isso, as vezes estará nas palavras de pessoas, de denominações e de filosofias de vida, não apenas dentro das igrejas, mas também, em tecnologias e ciências que nos cercam. Por isso, é preciso vigiar e orar, para que sempre estejamos diante do centro da vontade de Deus, não caindo em tentação.

Por isso, lembre-se, tudo o que ”seduz” e nos prende a esse mundo, nos leva a andarmos na contra mão da palavra, então, podemos sim trabalhar e viver aqui, realizando as atividades da melhor maneira possível, com excelência, contanto que nosso coração seja sempre guardado no Senhor, porque do coração é que procedem as fontes da vida! (Pv 4:23)

9 – Deus sempre guardará você!

”Levantarei os meus olhos para os montes, de onde vem o meu socorro. O meu socorro vem do Senhor que fez o céu e a terra. Não deixará vacilar o teu pé; aquele que te guarda não tosquenejará. Eis que não tosquenejará nem dormirá o guarda de Israel. O Senhor é quem te guarda; o Senhor é a tua sombra à tua direita. O sol não te molestará de dia nem a lua de noite. O Senhor te guardará de todo o mal; guardará a tua alma. O Senhor guardará a tua entrada e a tua saída, desde agora e para sempre. (Salmos 121: 1 a 8)

10 – Sua decisão

Nós temos a escolha de buscar a presença de Deus ou não, e a cada momento, colhemos frutos das decisões que tivemos no nosso passado. Deus sabe do que se passa dentro do seu coração, suas intenções e seu futuro. Ele é quem comanda nossas vidas e para todos os que se entregam a Ele, ele ”lapidará” nossas mentes e corações, constantemente.

Jesus foi o maior exemplo de servo, sendo Deus! E se Jesus lavou os pés dos discípulos, mostrando que devemos servir, precisamos entender qual é o nosso lugar diante de Deus e buscar compreender que em tudo o que somos e fazemos, o fazemos para a glória de Deus. Deus é quem move em nós o querer e o realizar, segundo seu propósito. (Fp 2:13). Então, se você leu essas palavras até agora, é porque de alguma maneira, é plano de Deus que elas estivessem aqui e você refletisse comigo até agora. Deixe Deus agir no seu coração, e busque a presença dele. Que Deus em sua infinita bondade, abençoe muito a você e sua família. Graça e Paz!

Sandra R.Z. Bertotti

Sobre FERNANDO BRUDER TEODORO

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
x

Veja Também

Hípica Vitoreli é destaque no último final de semana em Rio Claro-SP

Hípica Vitoreli esteve no último final de semana (21/11 e 22/11), na cidade de Rio Claro-SP, participando d a 4º ...