Paralimpíadas Escolares: o berço para futuros atletas paralímpicos

O Centro de Treinamento Paraolímpico Brasileiro será a sede das Paralimpíadas Escolares 2019 e receberá atletas de todo o país de 20 a 22 de novembro, para o evento esportivo mais aguardado por alunos com deficiência em idade escolar.

Nesta terça-feira, 19 de novembro, a partir das 19h30, acontece na Arena Anhembi na capital paulista, a abertura dos jogos que terá a presença da Secretária de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Célia Leão.

A delegação paulista é a maior do evento e com muita animação e grandes expectativa para os três dias intensos de disputas apresenta seus 188 integrantes de 51 cidades do Estado.

A equipe de São Paulo também tem destaque por ser a única a ter alunos representando o Estado em todas as modalidades.

Os jogos mais esperados pelos alunos atletas visa a inclusão e estimula a participação das crianças e adolescentes com deficiência de todo o país em disputas esportivas.

As Paralimpíadas Escolares são divididas nas modalidades: Atletismo, Natação, Tênis de Mesa, Tênis em Cadeira de Rodas, Bocha, Basquete em Cadeira de Rodas, Vôlei Sentado, Badminton, Futebol de 5, Futebol de 7, Goalball e Judô.

INCENTIVO E APOIO – PEÇAS FUNDAMENTAIS PARA INCLUSÃO ESPORTIVA

O Governo de São Paulo apoia integralmente a inclusão por meio do esporte e incentiva ações que possam efetivar o acesso de todas as pessoas à prática esportiva. Exemplo disso é o Time São Paulo Paralímpico, ação do Governo de São Paulo, realizada pela Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência, que visa incentivar atletas com deficiência de alto rendimento nas competições esportivas.

Além do incentivo por parte do Governo e do Governador de São Paulo, João Doria, neste ano foram diversos os apoiadores do esporte paralímpico e a Secretaria contou também com o apoio da operadora de telefonia Oi que patrocinou uniformes para toda a delegação, incluindo os de treino, passeio e de jogo.

Este é um dos maiores eventos mundiais da categoria e desde a primeira edição dos jogos, inúmeros talentos do paradesporto brasileiro já passaram pelas disputas escolares.

Entre os atletas que brilharam nas Paralimpíadas Escolares antes de se tornarem grandes nomes do paradesporto brasileiro estão, Verônica Hipólito, da modalidade atletismo que atualmente é multimedalhista e foi prata no Rio 2016; o nadador Talisson Glock, também é um exemplo de medalhista que iniciou a carreira nas Escolares, ele ganhou medalha de prata no Rio 2016. Outro exemplo é a mesa-tenista Bruna Alexandre, bronze no Rio 2016.

Além de terem sido exemplos na caminhada paralímpica, os três atletas tem outro detalhe em comum, hoje eles também fazem parte do Time São Paulo Paralímpico.

SERVIÇO
Evento: Abertura – Paralimpíadas Escolares 2019
Data: 19 de novembro
Local: Arena Anhembi
Endereço: Avenida Olavo Fontoura, 1209 – Parque Anhembi – São Paulo
Competições: de 20 a 22 de novembro
Local: CT Paraolímpico Brasileiro
Endereço: Rodovia dos Imigrantes, km 11.5

Sobre FERNANDO BRUDER TEODORO

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
x

Veja Também

Primeira etapa do Anel Viário caminha para finalização

Em muito breve, um dos maiores projetos de mobilidade urbana da história de Botucatu estará concluído. A construção da primeira ...