Últimas Notícias

Praia com criança? Fique ligado nessa dica!

Um projeto idealizado em São Paulo está contagiando banhistas das praias de todo o País. A inspiração veio de uma prática comum na Argentina e atraiu a atenção dos idealizadores do projeto.

Palmas, que parecem brincadeira, são, na verdade, um sinal. Toda vez que alguém encontra uma criança perdida na praia, a pessoa a coloca sobre os ombros e começa a bater palmas. Quem está em volta repete o gesto até despertar a atenção dos familiares do desaparecido.

No domingo, isso aconteceu em Copacabana. Um policial teria localizado uma criança perdida e deu início à sequência de palmas, alertando os banhistas. A atitude foi compartilhada nas redes sociais, onde frequentadores da praia apoiaram a iniciativa. A PM não soube informar se a criança foi reencontrada por causa do gesto. Apesar da atitude do PM, a corporação informou que, por enquanto, ainda não há orientações a respeito para este tipo de ação.

Na internet, frequentadores da Praia de Copacabana apoiaram a ação. “Vamos continuar, pois dá certo em outros lugares e aqui também está dando. Esse é o melhor método”, disse uma mulher. “Vai ajudar bastante o trabalho dos guardas municipais, bombeiros e policiais”, afirmou outra pessoa. Uma moradora lembrou de outro caso: “Aconteceu o mesmo na Siqueira Campos. A criança estava com uma senhora e, com as palmas, logo, logo o Pai localizou o filho. Brilhante ideia!”, escreveu.

Em Vitória/ES essa prática já está sendo utilizada também. O secretário de Segurança Urbana Fronzio Calheira Mota afirma que nessa época do ano aumenta a incidência de crianças perdidas nas praias e, por isso, é importante que os banhistas adotem a iniciativa.

“Colocar a criança em um lugar alto é algo lógico, porque ela é pequena, se andar dada a mão dificilmente o pai que está procurando vai vê-la, em cima do ombro a possibilidade de visualização é maior. Se as pessoas também comprarem a ideia e de fato aplaudirem quando a criança for encontrada, vai ajudar muito”, disse.

fonte: papodepai.com

Sobre FERNANDO BRUDER TEODORO

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
x

Veja Também

Segundo levantamento aponta que 0,7% da população de Botucatu teve covid-19

A Prefeitura de Botucatu finalizou o segundo levantamento epidemiológico na população para identificação do percentual de moradores que apresentam anticorpo ...