Últimas Notícias

2020: mudança ou transformação?

Estamos vivendo uma época sem precedentes na nossa história e nas nossas vidas!

O que começou com muitos sonhos e planejamentos, teve em suas maior parte, adaptações, mudanças e em muitos casos, transformações!

Mas, qual é a diferença entre ”mudar” e ”transformar”? E o que os sinais querem nos dizer?

A mudança é a alteração do meio, porém, se mantendo com a mesma estrutura. Ou seja, eu posso mudar de cidade, de profissão, de local, grupos sociais ou amizades, e continuar sendo a mesma pessoa, com a mesma forma de pensar, mesma forma de agir e ter apenas algumas adaptações feitas conforme o meio em que estou inserido.

Já, a transformação é a alteração da estrutura interna, que é gerada por mudança de pensamentos, percepção, visão ou fundamentos internos. Ou seja, eu posso estar no mesmo contexto e lugar, mas passar a ver as coisas com outros olhos, tendo a percepção de algo diferente ou da forma que via antes, e consequentemente, alterando minhas crenças ou prioridades, refletindo em novas ações ou comportamentos gerais.

O ano de 2020, trouxe para todos nós, muitas mudanças relacionadas ao nosso comportamento, convívio social, privações e preocupações diante da Pandemia que estamos enfrentando. Além do Covid-19, que gera uma preocupação enfática a saúde coletiva, perdas e sofrimento para os acometidos, passamos por uma privação política e governamental, além de desgaste emocional gerado pelas incertezas e inseguranças do nosso mundo.

O que era para ser poucos meses, tem levado todos a mudança de conceitos, prioridades, costumes, hábitos e valores. Antes sonhos e conquistas, atualmente sobrevivência e preocupações futuras.

Estamos assistindo a humanidade caminhar para uma desestruturação e descrédito da saúde e de tudo aquilo que antes eram definidos como ”confiáveis”, bem como o enfraquecimento de opiniões e a era da ”tecnologia”, que se camufla juntamente com a sociedade, silenciando cada vez mais nosso ”calor humano”, prometendo facilidades, mas nos condicionando a padrões nem sempre congruentes.

E o que podemos aprender com tudo isso? Estamos mesmo abertos a adaptação ou adequação?

A transformação vem da alterção de quem somos, de forma que além de nos adaptarmos à mudanças, estejamos também abertos a mudança de pensamento, visão ou percepção de tudo, a ponto de sabermos lidar da melhor forma possível ao que vivemos e ao que nos cerca.

O meio em que estamos pode nos pressionar ao mesmo tempo, de vários pontos diferentes, por questões profissionais, pessoais, sentimentais, familiares ou sociais, e qual deve ser nosso comportamento diante de tudo isso?

Se não refletirmos a respeito, certamente, podemos ”espanar” em meio a situação em que vivemos. Por isso, é importante definir ”seus valores e crenças”, e ”o que você não abre mão de forma alguma” diante de tudo isso.

Para quem tem fé em Deus, e tem a convicção de que ”Ele é nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente na tribulação”, pode entender que nossa esperança vem dele, e não das circunstâncias externas, mas que essa fé precisa ser cultivada, alimentada e regada dia a dia, através de oração, leitura da Bíblia e comunhão com Ele. Pois, somente quem confia inteiramente no Deus que tudo pode, permanecerá firme diante das tempestades do dia a dia.

Provações sempre virão, e cada vez mais, vemos a desvalorização do ser humano, a dificuldade de interação social, a falta de amor ao próximo, o vitimismo tomando conta do ego humano, gerando a sensação de que ”todos precisam me servir” ou que ”o mundo me deve algo”, e deixamos de sentir a dor do próximo, e quando nos doamos para tal, somos sugados para dentro de histórias e laços que mostram o desequilíbrio entre o amor e a maldade.

Em geral, quantas vezes você já se pegou pensando: ”Eu me preservo e fecho os olhos ou ajudo e me envolvo?” em situações ao seu redor?

Essa é uma das perguntas que podemos fazer diante da situação que vivemos atualmente.

1 – TENHA SABEDORIA PARA SABER ONDE E QUANDO SE ENVOLVER

É certo que as vezes nosso coração fala mais alto, e queremos ajudar a todas as pessoas ao nosso redor, e muitas vezes, somos pegos de surpresa, quando nossa ingenuidade não nos deixa perceber a maldade que pode estar diante de intenções prejudiciais.

Em Jeremias 7:16, nós lemos: ”Tu pois, não intercedas por este povo, nem levantes por ele clamor ou oração, nem me importunes, porque eu não te ouvirei”.

Se pararmos para refletir sobre esse texto, vemos que a rebeldia, gera laços espirituais quase imperceptíveis, e quando nos envolvemos com situações em que a rebeldia está presente, acabamos enlaçando nossas vidas, sem termos condições de agregar ou colaborar com alguma mudança, pela decisão de não haver mudanças.

Então, antes de ”se envolver” para ajudar à alguém, para fazer uma parceria ou entrar em um novo trabalho, reflita sobre ”o que você poderá contribuir estando lá” e ”o que o local ou as pessoas poderão contribuir com você, por estar lá”. Ao contrário do que muitos pensam, nem todos os lugares servem para nós, e para ”não nos perdermos no meio do caminho”, é preciso saber exatamente quem somos e o que mais buscamos, e se o que encontramos pelo caminho, farão sentido para nós ou não, farão parte da nossa jornada ou apenas nos fará tropeçar.

2 – TENHA CLAREZA DO QUE BUSCA E ESTEJA DISPOSTO A ACEITAR O QUE BUSCOU

Para que a mudança aconteça, é preciso querer mudar e estar disposto a aceitar a mudança!

E para que a mudança seja transformadora, é preciso mudarmos nossa forma de ser!

Vivemos em um momento de grandes mudanças nesse ano, e ao mesmo tempo, de tantas informações que são jogadas diante de nós, que não temos tempo para ”parar e refletir” sobre o que realmente é importante para cada um de nós.

Então, se pudermos definir aprendizados que esse ano de 2020 tem nos dado:

  • Quais foram as 3 principais mudanças que 2020 trouxe para você?
  • Como essas mudanças impactaram e mudaram sua forma de pensar?
  • Quais conceitos e sonhos você abriu mão de ter com esses acontecimentos?
  • O que você levará para a vida toda com toda essa mudança?
  • Quais prioridades mudaram com tudo isso?
  • O que você não tolera mais diante disso tudo?
  • Se você pudesse contar o resumo do que viveu até agora, o que contaria?

Diante dessa reflexão, quais transformações você teve nesse ano de 2020 e o que elas geraram em você?

Com toda adaptação que você viveu, o que mais se orgulha de ter conseguido realizar?

3 – CONFIE EM DEUS E RECONHEÇA-O NO SEU CAMINHO

Diante de tudo isso, você consegue reconhecer Deus em cada passo de sua história?

Em Provérbios 3: 5 e 6 nós lemos ”Confia no Senhor de todo o teu coração, e naõ te estribes no teu próprio entendimento. Reconhece-o em todos os teus caminhos e ele endireitará as tuas veredas”.

Nós vivemos em uma fase da busca por ferramentas, autoconhecimento, soluções, atalhos e mentores de diversas áreas para a solução dos problemas que constantemente nos cercam, mas, sempre que confiamos em nosso próprio conhecimento ou em pessoas, por mais gabaritadas que sejam, estamos correndo atrás do vento, apenas nos cansando e nunca alcançando o que precisamos. Mas, quando confiamos somente em Deus de todo o nosso coração, reconhecendo que vem dele a verdadeira sabedoria e o direcionamento certo para nossas vidas, ele nos conduz no caminho certo, mesmo diante de adversidades.

Confiar em Deus de todo o coração, significa que confiamos apenas nele, e não nas pessoas ao nosso redor. Ou seja, podemos aprender conceitos, filosofias, ciências e tecnologias para agregar em nossas vidas formas de realizar algo, mas a confiança, deve ser apenas em Deus, e em ninguém mais. Quando conseguirmos confiar apenas em Deus e não esperar nada de ninguém, aí sim, estaremos confiando nele de ”todo o coração”, fazendo tudo para Ele e não levando em conta a opinião alheia. E nesse momento, com essa entrega total dos nossos corações, percebemos que ”as adversidades” ao nosso redor, tomam uma proporção menor, um tamanho menor, porque nossa confiança está nas mãos daquele que é o único que realmente pode fazer algo por nós, simplesmente, porque tudo vem dele, por ele, para ele e por meio dele. A Deus seja a glória para todo o sempre e eternamente, amém!

”Entrega o teu caminho ao Senhor, confia nele e o mais Ele fará” Sl 37:5.

Confie em Deus sempre! Faça o que for possível no contexto em que está, entregue o que não está nas suas mãos diante de Deus e saiba que ”entre perdas, ganhos e oportunidades”, existem ”bençãos e livramentos”. Entender essa diferença, faz nosso coração se alegrar no Senhor, sabendo que Ele é quem cuida de nós, dirige nossos passos e nos faz andar pelo vale da sombra da morte, sem temer mal algum, porque Ele é nosso Pastor e nada nos faltará!

Que Deus abençoe ricamente a você e a sua família!

Sandra RZ Bertotti

 

Imagem: Pixabay

Sobre FERNANDO BRUDER TEODORO

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
x

Veja Também

Hípica Vitoreli é destaque no último final de semana em Rio Claro-SP

Hípica Vitoreli esteve no último final de semana (21/11 e 22/11), na cidade de Rio Claro-SP, participando d a 4º ...