Curso gratuito de mandarim está com inscrições abertas em Botucatu

Já estão abertas as inscrições para a nova turma do curso de mandarim (língua chinesa) em Botucatu, oferecido pelo Instituto Confúcio – UNESP em parceria com a Prefeitura Municipal.

 Para efetuar a inscrição, o interessado deve entrar em contato com a Secretaria Municipal de Educação, através do e-mail cristiane.messias@botucatu.sp.gov.br até o dia 20 de fevereiro.

 As aulas são gratuitas e serão realizadas aos sábados, a partir do dia 07 de março na EMEF Dr. Cardoso de Almeida (Cardosinho – entrada pela Rua Costa Leite). A carga horária é de 4 horas semanais, sendo das 8 às 12 horas para o nível básico e das 14 às 18 horas para o nível intermediário.

 O curso de mandarim utiliza material aprovado pelo Ministério da Educação da China, com supervisão da Universidade de Hubei. Os professores são chineses, selecionados pelo próprio Instituto Confúcio na China.

 

Mais informações:

Secretaria Municipal de Educação

Praça Dom Luiz Maria de Santana, 176 – Centro

(14) 3811-3150

Sobre FERNANDO BRUDER TEODORO

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
x

Veja Também

Pandemia: como ficam os cálculos de férias, décimo terceiro e outros temas

Para que a economia brasileira não sofra demasiadamente por conta da pandemia do novo coronavírus, o Governo Federal adotou diversas ...