Últimas Notícias

Comércio de Botucatu entra nos últimos dias de horário estendido com expectativa de alta nas vendas

Com expectativa de vendas maiores do que no ano passado, o comércio botucatuense entra em seus últimos dias com horário estendido, conforme definido pela Convenção Coletiva firmada pelos sindicatos representativos da classe empresarial e de funcionários.

Para este final de semana (21 e 22 de dezembro), as lojas nos principais corredores comerciais funcionarão das 9 às 17 horas. Já na segunda-feira, 23, o atendimento ao público ocorrerá das 9 às 23 horas. No dia 24, véspera de Natal, o comércio terá suas atividades das 9 às 17 horas. No dia de Natal (25, quarta-feira) não haverá abertura comercial, o que voltará a acontecer na quinta-feira (26), das 13 às 18 horas.

Já na preparação para o Réveillon, o comércio também terá horário especial na terça-feira, 31 de dezembro, funcionando das 9 às 17 horas. No dia 1º de janeiro, lojas fechadas, voltando a atender na quinta-feira, 2 de janeiro, das 13 às 18 horas.

A abertura do comércio em horário especial tende a reforçar as opções de compras para o final de ano. Pesquisa da Boa Vista SCPC, com apoio da Associação Comercial e Empresarial de Botucatu (ACEB) aponta que 82% dos empresários ouvidos em âmbito nacional esperam que as vendas no período sejam iguais ou maiores do que no ano passado. Isso porque, segundo o estudo, para um em cada três empresários as vendas de Natal e Ano Novo representam um movimento de até 5% frente a faturamento anual.

A sondagem também indicou que 24% pretendem contratar mais mão de obra para a data, porcentagem que aumenta para 42% quando se consideram apenas os empresários mais otimistas com o aumento das vendas em relação a 2018. A expectativa é que as vendas cresçam em torno de 4% frente ao Natal passado.

“Temos um cenário diferente do que em anos anteriores como a liberação dos valores do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), há também o pagamento integral do 13º salário tanto da iniciativa privada quanto do serviço público e, em especial para Botucatu, da Unesp. Todos estes fatores são levados em conta na hora de se analisar o cenário o qual esta data se insere”, explica o presidente da ACEB, Emílio Angella Neto.

Outro ponto analisado pela Associação Comercial que pode indicar vendas maiores foi quanto a consultas por crédito que tanto Pessoas Físicas quanto Jurídicas promoveram nas últimas semanas. “A demanda por crédito subiu 8,5% em comparação com o ano passado. Isso mostra o interesse dos consumidores em gastar um pouco a mais. E também frisa outro aspecto: há mais cautela quanto a manter o nome fora das listas de negativação de crédito e, assim, evitar a inadimplência”, salienta Angella Neto.

com assessoria: Flávio Fogueral

Sobre FERNANDO BRUDER TEODORO

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
x

Veja Também

Segundo levantamento aponta que 0,7% da população de Botucatu teve covid-19

A Prefeitura de Botucatu finalizou o segundo levantamento epidemiológico na população para identificação do percentual de moradores que apresentam anticorpo ...