Descubra qual é o papel desta tecnologia no futuro da construção civil

A realidade aumentada transformou as rotinas de trabalho na construção civil e vem revolucionando totalmente a dinâmica laboral no segmento que é a fonte de renda de milhares de brasileiros. O que antes era inimaginável, hoje se tornou possível graças às inovações tecnológicas fomentadas pelo crescente interesse de startups de softwares no setor. Agora, por exemplo, é possível visualizar um projeto totalmente finalizado, ainda na fase inicial de preparação do solo.

De acordo com uma pesquisa da Markets and Markets, o mercado de realidade aumentada deverá atingir US$ 60,55 bilhões em todo o mundo até 2023 – uma previsão de crescimento de 40,29% durante o período entre 2018 e 2023.

Os benefícios da nova tecnologia são diversos. As variadas aplicações fizeram com que, em pouco tempo, a realidade aumentada se tornasse ferramenta essencial para o trabalho de engenheiros e arquitetos. “Avanços como estes, possibilitam não só a viabilização de projetos, como também a otimização de processos, a diminuição de falhas e a redução do desperdício de materiais”, explica o diretor comercial da Ecogranito, Renato Las Casas.

A visualização é feita por meio de smartphones, tablets ou outros dispositivos, como os óculos de realidade aumentada, que permitem a sobreposição de imagens. “Com isso, os profissionais podem ter uma visão exata daquilo que será construído, o que inclui camadas, materiais e instalações que, em alguns casos, não podem ser desenhadas”, detalha.

Segundo o empresário, a realidade aumentada beneficia toda a equipe de construção – desde engenheiros aos designers, arquitetos e decoradores. “Os aplicativos também podem ser utilizados para que os clientes visualizem propostas de serviços decorativos diretamente nos imóveis de destino, o que torna todo o processo mais dinâmico e interativo”, diz Las Casas.

 

Sobre FERNANDO BRUDER TEODORO

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
x

Veja Também

Últimas atualizações do Boletim Corona Virus para a região de Botucatu

O Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu (HCFMB) atualiza suas principais informações desta sexta-feira, 11 de setembro: ...