Após matar mãe e padrasto, homem alega ter sido a ‘força maligna’ o responsável

Um duplo homicídio, ocorrido por volta das 21h deste domingo (7), na estrada Municipal dos Delegos, no bairro Chácara Recreio do Havaí em Botucatu.

Um homem de 32 anos matou a mãe e o padrasto, na casa da família, ele próprio chamou a Polícia Militar e esperou a viatura chegar para ser preso, confessou o crime aos policiais e, na delegacia, alegou que o ato foi provocado por ‘força maligna’.

Segundo o registro policial, as vítimas foram identificadas como Maria da Conceição Rodrigues Alberto e Wanderley Alberto, ambos de 55 anos.

Para o delegado seccional de Botucatu, Dr. Lourenço Talamonte Netto, a justificativa do indiciado tem relação com efeitos alucinógenos decorrentes do uso de drogas.

Assim que a viatura chegou ao endereço, o indivíduo saiu o imóvel todo ensanguentado, com cortes nas mãos, e logo afirmou aos policiais que havia matado o casal e que ambos estariam no interior da casa.

De fato, a PM constatou o crime e apreendeu as facas. Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada ao local, mas as vítimas não sobreviveram. Após se entregar, o autor foi algemado, levado ao Plantão Policial e permaneceu à disposição da Justiça.

 

Sobre Régis Vallée

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.