Últimas Notícias

Prefeitura de Botucatu lança “Projeto LED: Luz, Economia e Desenvolvimento”

Quem já passou pelas vias de Botucatu iluminadas por luminárias de LED já percebeu a eficiência da tecnologia, comparada a outros tipos de lâmpadas. Um planejamento elaborado pela Prefeitura buscará expandir a quantidade dessas luminárias dentro do parque de iluminação da Cidade.

O “Projeto LED: Luz, Economia e Desenvolvimento” tem como objetivo, além de iluminar, levar mais segurança à condutores, pedestres e moradores de diversas localidades, bem como desenvolvimento às regiões.

Para o ano de 2021, as seguintes localidades devem receber a implantação da nova iluminação:

Rodovia Raymundo Putty, Rua Tenente João Francisco, Vielas do Jardim Monte Mor, Rua Rafael Sampaio (nova ponte), Ruas João Passos, Cardoso de Almeida, General Telles e Costa Leite, na região Central, além da região do Shopping Botucatu. O investimento é de aproximadamente R$ 449 mil, com a implantação de 546 pontos de LED.

“Queremos iluminar o máximo possível de locais em Botucatu e dar essa nova cara as regiões. Hoje já temos uma política de cobrar dos novos empreendimentos imobiliários esse tipo de tecnologia e vamos em busca de até 2024 termos um terço da Cidade com LED”, afirmou o Prefeito Mário Pardini.

Hoje, o Município possui 23.600 pontos de iluminação em seu parque luminótico. Desses, aproximadamente 1 mil já são em LED.

No último mês de dezembro, receberam essa tecnologia as Avenidas Itália (Lavapés), Mário Barbieris (Cohab 1), Nicola Zaponi (Jardim Riviera), Conde Serra Negra/Veiga Russo (Vila Maria), das Hortências (Convívio) e Jayme de Almeida Pinto (Jardim Reflorenda).

O que muda com o LED?

 

Tecnicamente, a iluminação por luminárias de LED trará maior eficiência em luminosidade ao local. Medido em Lúmen, o fluxo luminoso com o LED é maior quando comparado ao fluxo com lâmpadas a vapor de sódio.

Enquanto a nova tecnologia chega à medida de 130 Lumens por Watt (W), a iluminação convencional, com lâmpadas de vapor de sódio, atinge apenas 40 lumens por watt. Ao invés dos 280W utilizados por uma lâmpada de sódio, a de LED utiliza apenas 150W.

Ou seja, a nova tecnologia oferece melhor iluminação, com menor consumo de energia. A durabilidade das luminárias de LED é quase quatro vezes maior do que a de vapor de sódio, chegando a 55 mil horas (utilidade de 12 anos).

Sobre FERNANDO BRUDER TEODORO

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
x

Veja Também

Batalha entre brasileiros e estrangeiros agita Super Final do Arena Cross 2021

A Super Final do Arena Cross, neste sábado e domingo (27 e 28/11), promete fortes emoções na pista montada no ...